Entre em contato

Nome (obrigatório)

Email (obrigatório)

Assunto

Mensagem

Galerias / Galleries

Voltar

Fechar

Vê-nus

1976
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg

Obras decorrentes de histórias ou histórias decorrentes de obras. As narrativas são uma forma de desenho que usa como suporte o tempo imaginado e apresenta no tempo vivido um testemunho ou uma cena que comprova aquela história.

A aventura iniciada numa superfície hipotética cria recorte fechado em seu interior chamando a atenção para três pontos: a intenção do recorte como gerador da escultura, o recorte em si como um personagem da cena e a entrada de elementos na obra que possuem a função de religar a figura recortada à sua sobra. A separação de um recorte da sua sobra é definitiva. Para que ela não seja eliminada da cena, a sobra é religada através de hastes, fios, correntes, ventosas, ganchos ou presilhas. Para que não seja esquecida, é iluminada por uma lâmpada. Personagens como a sombra que a lâmpada acesa faz, fazem parte do acaso.

/
Vê-nus
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg
Doug Baz, 1997
Bard College Museum - NYC - EUA
Vê-nus
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg
Crédito da imagem indiponível no momento
Vê-nus
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg
Crédito da imagem indiponível no momento
Vê-nus
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg
Crédito da imagem indiponível no momento
Vê-nus
  • borracha, corrente de ferro e energia elétrica
  • 1500 x 2500 x 1900 mm
  • 40 kg
Crédito da imagem indiponível no momento